Armadilhas…

Na região do Amazonas, caçar macacos para comer faz parte da cultura indígena há séculos. Uma das maneiras mais interessantes de caçá-los é usando sua própria natureza para enganá-los.

É assim que funciona: uma armadilha é construída para permitir que um macaco coloque a mão numa pequena abertura onde é colocada uma banana, dentro da armadilha. Quando o macaco enfia sua mão na abertura, ele segura a banana. Então, é impossível a ele retirar sua mão enquanto está segurando a banana.

Não importa o que aconteça ou quem se aproxima, o macaco não abre mão da banana. A banana é um fruto de satisfação temporário, mas o macaco troca sua vida e sua liberdade para ter este fruto e esta satisfação.

Jesus disse em Mateus 16.25: Pois quem quiser salvar a sua vida, a perderá, mas quem perder a sua vida por minha causa, a encontrará.”

Somente assim, ficamos livres das armadilhas deste mundo.
Tome cuidado com a satisfação temporária. Viva da satisfação permanente, que é Cristo em você. Permaneça!

CARLOS MCCORD

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s